PARÓQUIA SÃO JOÃO BATISTA

Bem Vindo à PARÓQUIA SÃO JOÃO BATISTA
Bom dia, Terça-feira, 23 de Outubro de 2018

PARÓQUIA SÃO JOÃO BATISTA
VOCÊ ESTÁ EM: HOME / PE JULIANO OSVALDO DE CAMARGO /

Conhecendo um pouco do Universo Bíblico

SETEMBRO - MÊS DA BÍBLIA

Bíblia, Palavra de Deus


“A palavra de Deus é viva, é realizadora, mais afiada do que toda a espada de dois gumes: ela penetra até onde se dividem a vida do corpo e a do espírito, as articulações e as medulas e é capaz de distinguir as intenções e os pensamentos do coração” (Heb 4,12). Penso que diante desta verdade não tenho eu o direito de omitir-me. Vivemos uma cultura do imediatismo e um tempo de substituição, onde o que ´secundário parece ter maior relevância do que aquilo que é primordial. É complicado falar da Palavra de Deus num tempo de mudança de época em que se duvida de tudo. Onde a fé para muitos é discutível ou na pior das hipóteses tratada com indiferença. Parece ser crescente o preconceito contra Deus. Se não bastasse como é complicado pra muitos aceitar o fato de que a Palavra é verdadeira Revelação Divina onde Deus tem a iniciativa de manifesta-se dando a se conhecer como Palavra. Essa Palavra entrelaça-se com a História do homem e guia o seu caminho como nos afirma Sínodo dos Bispos na XII Assembleia Geral Ordinária acerca do tema: “A Palavra de Deus na Vida e na Missão da Igreja”. Afinal a Bíblia o que é? A Bíblia é a Palavra de Deus, escrita sim por homens, porém inspirada pelo próprio Deus que se revela e se dá a conhecer. Os hagiógrafos ou autores de cada um dos livros que compõem o Cânon da Bíblia são apenas instrumentos na transmissão daquilo que o Senhor quer manifestar ou tornar conhecido aos homens. A Revelação toda desde a origem (Genesis) e os demais livros do Pentateuco, os Históricos e Sapienciais como também os Proféticos que formam o Antigo Testamento vai encontrar ressonância e cumprimento no evento da Encarnação do Verbo, ou seja, o Verbo de Deus que se fez carne e habitou entre nós (Jo 1, 14). Jesus Cristo é a Palavra de Deus encarnada na vida e na história da humanidade, Ele é a realização da promessa, verdadeiro Messias Senhor, Redentor e Salvador como também Filho de Deus. É impossível negar essa realidade e não só isso, deixar-se conduzir, ser moldado, orientado e guiado pela Palavra de Deus é sem sombra de dúvidas fazer-se ao mesmo tempo discípulo e autentico missionário e seguidor daquele que vem ao nosso encontro, chama-nos e espera de cada um uma resposta que seja decidida, comprometida e responsável. A Palavra de Deus é com certeza lâmpada para os pés e luz para o caminho. Negar essa Palavra e estar cego, surdo e mudo à salvação operada por Deus em favor de seu povo. Negar Deus e sua Palavra é negar a sua própria existência. É afastar-se da verdade e viver na mentira. Assim, o Antigo Testamento ou Primeiro Testamento e o Novo Testamento ou Segundo Testamento com os Evangelhos, os Atos dos Apóstolos, as Cartas e o Apocalipse são sim autentica Palavra de Deus. Em caso de qualquer dúvida queiram nossos leitores lerem a Constituição Dogmática Dei Verbum sobre a Revelação Divina do Concílio Vaticano II:

http://www.vatican.va/archive/hist_councils/ii_vatican_council/documents/vat-ii_const_19651118_dei-verbum_po.html


Pe.JulianoOsvaldodeCamargo

Veja Também


Morte, Fim ou Meio?
Cruz e Vitória
bli.jpg